ANDRÉ FERREIRA E ANDERSON FERREIRA ROMPEM COM O GOVERNADOR PAULO CÃMARA, DESTINO DEVERÁ SER O PALANQUE DE ARMANDO MONTEIRO

/ 21 junho
ANDRÉ FERREIRA E ANDERSON FERREIRA ROMPEM COM O GOVERNADOR PAULO CÃMARA, DESTINO DEVERÁ SER O PALANQUE DE ARMANDO MONTEIRO

Anderson Ferreira-Paulo-Câmera

O grupo Ferreira anunciou, nesta quinta-feira (21), rompimento com o chefe do Executivo estadual. Em nota, assinada pelo deputado estadual e presidente regional do PSC, André Ferreira, e pelo prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), os Ferreira afirmam que, ao Governo Paulo Câmara (PSB), "falta diálogo, capacidade administrativa e, principalmente, liderança". 

"Hoje a sociedade cobra coragem nas posições política. Nós temos essa coragem e fazemos política por convicção. Não concordamos com a prática do poder pelo poder e nem aceitamos um governo que seja refém da barganha", diz o texto.

André Ferreira é deputado estadual e pré-candidato ao Senado. No entanto, com a atual configuração da Frente Popular, não teria espaço numa chapa encabeçada pelo governador Paulo Câmara. Além de Anderson e André, que assinam a nota, o clã ainda conta com o vereador do Recife Fred Ferreira e com o patriarca da família, o ex-deputado Manoel Ferreira.

Após o anúncio, o deputado federal Bruno Araújo (PSDB) saudou os Ferreira nas redes sociais: "Ao PSC de PE e ao Grupo Ferreira, bem-vindos ao Novo Projeto de Desenvolvimento para Pernambuco!". O aceno pode significar o ingresso do grupo na Frente das Oposições, que tem como pré-candidato ao Governo do Estado o senador Armando Monteiro Neto (PTB).
ANDRÉ FERREIRA E ANDERSON FERREIRA ROMPEM COM O GOVERNADOR PAULO CÃMARA, DESTINO DEVERÁ SER O PALANQUE DE ARMANDO MONTEIRO

Anderson Ferreira-Paulo-Câmera

O grupo Ferreira anunciou, nesta quinta-feira (21), rompimento com o chefe do Executivo estadual. Em nota, assinada pelo deputado estadual e presidente regional do PSC, André Ferreira, e pelo prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), os Ferreira afirmam que, ao Governo Paulo Câmara (PSB), "falta diálogo, capacidade administrativa e, principalmente, liderança". 

"Hoje a sociedade cobra coragem nas posições política. Nós temos essa coragem e fazemos política por convicção. Não concordamos com a prática do poder pelo poder e nem aceitamos um governo que seja refém da barganha", diz o texto.

André Ferreira é deputado estadual e pré-candidato ao Senado. No entanto, com a atual configuração da Frente Popular, não teria espaço numa chapa encabeçada pelo governador Paulo Câmara. Além de Anderson e André, que assinam a nota, o clã ainda conta com o vereador do Recife Fred Ferreira e com o patriarca da família, o ex-deputado Manoel Ferreira.

Após o anúncio, o deputado federal Bruno Araújo (PSDB) saudou os Ferreira nas redes sociais: "Ao PSC de PE e ao Grupo Ferreira, bem-vindos ao Novo Projeto de Desenvolvimento para Pernambuco!". O aceno pode significar o ingresso do grupo na Frente das Oposições, que tem como pré-candidato ao Governo do Estado o senador Armando Monteiro Neto (PTB).
Continue lendo
AUDÁLIO É LANÇADO PRÉ-CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL


A FORÇA DE QUEM TEM HISTÓRIA

Uma centena de pessoas acompanharam o lançamento do vereador Audálio Ramos como pré-candidato a deputado estadual por Garanhuns e pelo Agreste. Na ocasião o presidente estadual da Democracia Cristã, Dr. Geraldo Queirós, anunciou a todos os presentes no salão da AGA e aos que acompanhavam pelas redes sociais a pré-candidatura do parlamentar garanhuense, sendo ovacionado por todos que comemoraram o lançamento do projeto que visa à representação de Garanhuns e da região na ALEPE.

A pré-candidatura de Audálio nasce forte a nível estadual, uma vez que ele conta com a simpatia da executiva do partido no Estado, e confirmada no evento pela presença de inúmeras lideranças e representantes da sociedade civil e dos segmentos cultural e cooperativista, que acreditam na história e na força de Audálio, que ainda contou com mensagens de incentivo da vereadora recifense e pré-candidata, Marília Arraes e do líder cooperativista pernambucano Malaquias Anselmo.

Imprensa, religiosos, lideranças comunitárias e rurais, políticos, estudantes, professores, comerciantes, comerciários e profissionais liberais de Garanhuns e da região marcaram o evento de Audálio, que contou com a vinda de representações de Recife, Caruaru, Jupi, Paranatama e São Bento do Una dentre outras cidades, com destaque para Garanhuns que contou ainda com a presença de oito vereadores.

ASCON Audálio Ramos
COM PRESENÇA DE TEREZA LEITÃO E FERNANDO FERRO, MARÍLIA ARRAES LANÇA SILVIO COSTA COMO PRÉ-CANDIDATO A SENADOR NA SUA CHAPA


A vereadora do Recife e pré-candidata a governadora, Marília Arraes (PT), quem vem dando um vapor em seus adversários, principalmente no governador Paulo Câmara (PSB), deu mais um passo histórico rumo a confirmação da sua candidatura ao palácio do Campo das Princesas.

Com as ilustres presenças da deputada estadual, Tereza Leitão (PT) e do ex-deputado federal e figura histórica do PT pernambucano e nacional, Fernando Ferro, a neta de Miguel Arraes anunciou o deputado federal, Silvio Costa (AVANTE), como pré-candidato a senador na sua chapa para as próximas eleições.

O anúncio ocorreu durante uma entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (19) no salão do Recife Praia Hotel e reuniu várias lideranças políticas e dezenas de jornalistas. Com a chegada de Silvio Costa ao projeto chamado Pernambuco, a candidatura de Marília deverá ganhar outros rumos. Além de ganhar mais confiança, acaba com a teoria de que o PT pernambucano estaria isolado de outras siglas.

Silvio Costa, ávido defensor de Lula e Dilma, vem rodando todo o estado de Pernambuco e costurando vários apoios a sua candidatura ao senado. Com a aliança de Silvio e Marília a expectativa é que as próximas pesquisas aponte o avantista na briga por uma das vagas a que Pernambuco tem direito nestas eleições.

Outro ponto importante do evento é que Marília Arraes, acenou positivamente para o senador Humberto Costa (PT) e deixou claro que a outra vaga é do líder histórico do partido dos trabalhadores em Pernambuco e um dos maiores defensores do presidente Lula e da presidente Dilma. “Humberto não precisa do PSB para se reeleger, Humberto é o senador de Lula e o povo de Pernambuco saberá reconhecer isso” disse Marília.

A aliança entre o PT nacional e o PSB nacional está cada vez mais longe, abrindo espaço para a consolidação da candidatura de Marília.
ÁLVARO PORTO TERÁ O APOIO DA OPOSIÇÃO EM BREJÃO

A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

Eleito em 2014 e buscando a reeleição em 2018, o deputado estadual, Álvaro Porto (PTB), continua suas andanças pelo agreste fechando apoios e revisitando amigos para além de ser reeleito ter o título do deputado estadual mais votado do Agreste Meridional, repetindo assim o feito de 2014.

Na última semana, Porto esteve em Brejão, onde visitou o ex-prefeito Ronaldo Ferreira, o vereador Jânio Moraes e Paulo Moraes, que foi candidato a vice-prefeito e deverá ser o herdeiro político de Ronaldo Ferreira. Com a adesão do ex-prefeito de Brejão, Álvaro Porto conta com o apoio de todo o grupo oposicionista.

Estarão no palanque de Álvaro, Ronaldo Ferreira (ex-prefeito), Janduy Bezerra (candidato a prefeito), Paulo Moraes (candidato a vice) e os vereadores, Jânio Moraes, Joatan Bezerra, Renato Batinga e Advânio. Além de vários suplentes de vereadores.

Álvaro deverá ter uma expressiva votação e já é cotado para passar dos 60 mil votos, sendo um dos mais votados de todo o estado. O crescimento se dá por conta do apoio do prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, aliado de primeira hora de Armando Monteiro (PTB).
AUDÁLIO RAMOS LANÇA PRÉ-CANDIDATURA À DEPUTADO ESTADUAL NA PRÓXIMA SEGUNDA (18)


Atualmente vereador da cidade de Garanhuns, cargo que já ocupa há três legislaturas tendo sido inclusive presidente da câmara de vereadores, Audálio Ramos, lança sua pré-candidatura a uma das vagas da ALEPE (Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco), na próxima segunda-feira (18) na AGA (Associação Garanhuense de Atletísmo) às 19:00h e contará com o presidente estadual do DC (Democracia Cristã), Geraldo Queiroz na bancada.

Audálio configura-se como um dos melhores quadros dentro da política para defender os interesses de Garanhuns e do Agreste Meridional. Experiente no ofício de legislar, certamente figurará entre os candidatos mais bem votados da “Suíça pernambucana”, desbancando inclusive medalhões da política de Pernambuco que desconhecem o perfil dos garanhuenses.

Defensor dos direitos sociais e contra o retrocesso que aflige o Brasil, foi figura constantes nos vários protestos que ocorreram na cidade das flores contra o governo Temer que quer o fim de vários direitos dos trabalhadores. A depender dos apoios recebidos na região e coligação estadual que esteja vinculado (Paulo/Armando ou Marília) os resultados podem ser surpreendentes.

Coerente, Ramos sempre deixou claro o posicionamento que não apoiaria outro candidato à estadual e já vinha trabalhando sua pré-candidatura à bastante tempo. A expectativa após o lançamento desse novo projeto político é que logo seja anunciado o candidato a federal que fará dobradinha com Audálio em Garanhuns e em todo o Agreste Meridional.
Dona Nina Marçal será a madrinha da junina Pé na Roça em Saloá


Professora aposentada, que durante toda sua vida prestou importante papel na educação e na sociedade saloaense, dona Nina Marçal, foi escolhida madrinha da junina Pé na Roça em Saloá, que todos os anos durante os festejos juninos costuma ter uma madrinha, homenageando assim grandes mulheres.

O convite foi realizado na última terça-feira (12) o que rendeu uma homenagem de dona Nina aos jovens de Saloá. Herminia Siqueira Marçal é esposa do Sr. Evaldo Pereira Marçal e faz parte de uma das mais tradicionais famílias do município, prestou durante toda uma vida serviços à Saloá.
V-LINK inaugura escritório em Bom Conselho


A V-Link um dos maiores provedores de internet do Agreste Meridional, inaugurou nesta quarta-feira (13), seu escritório de negócios na cidade de Bom Conselho. Com uma super estrutura de fibra ótica, vista apenas nas grandes empresas de telecons do Brasil, a V-Link pode oferecer uma internet com velocidade de até 40 gbps.

O novo escritório fica localizado na rua 13 de maio, por traz do banco Santander no centro de Bom Conselho. A V-Link possui uma rede de fibra ótica entre Bom Conselho e Saloá que já está fase final e até o final do ano vai trazer grandes novidades para seus clientes.
Marília Arraes volta ao Agreste Meridional no próximo dia 29


Vereadora do Recife e pré-candidata ao governo do estado, Marilia Arraes (PT), volta ao Agreste Meridional no próximo dia 29 de Junho. Ela participa de agenda nos municípios de Iati, Bom Conselho e São Pedro (distrito de Garanhuns). A agenda foi acertada entre Alcindo Correia (PCdoB) vereador de Garanhuns, Wellington Freitas de Saloá e Robério Paes de Bom Conselho e confirmada com a assessoria de Marília.

Em Iati, Marília participa de um ato no STR local por intermédio do Vereador Erlan Tenório. Em São Pedro participa de tradicional procissão religiosa, essa que foi uma solicitação do vereador Alcindo e encerra mais um giro pelo agreste em Bom Conselho, onde participa de um ato organizado por Robério Paes e Givaldo do Sindicato.


Após o ato na terra da Papacaça, a neta de Arraes que tem fortes chances de desbancar o governador Paulo Câmara já no 1º turno, participa do encerramento do tradicional ForroBom, um dos maiores eventos juninos do interior de Pernambuco. Simpatizantes e apoiadores de Marília de vários recantos do estado deverão estar presente em mais esse giro em torno de sua pré-candidatura.
DATAMÉTRICA – Empatada com Paulo no 1º turno, Marília vence em qualquer cenário no 2º turno

Resultado de imagem para marilia arraes

A pesquisa estimulada de primeiro turno para governador de Pernambuco apresenta um empate técnico entre os três primeiros pré-candidatos, Paulo Câmara, Marília Arraes e Armando Monteiro.

O governador, do PSB, vem em primeiro lugar, com 20%, seguido da candidata do PT, com 17%, e do candidato do PTB, com 14%. Os demais pré-candidatos simulados na pesquisa, Júlio Lóssio, Danielle Portela e Coronel Meira, apareceram cada um com 2%, 2% e 1%, respectivamente. É o que mostra a pesquisa Datamétrica sobre as eleições deste ano, realizada entre 8 e 9 de junho.


Em um segundo exercício, especulou-se o cenário em que Marília Arraes não seria candidata. Mantém-se um empate técnico, mais uma vez com Paulo Câmara em primeiro lugar e, neste quadro, com 23% (veja gráficos ao lado). O candidato do PTB aparece em segundo com 19%. Os demais três incluídos permanecem nas posições do outro cenário.

Sobre a migração de votos de Marília: ao suprimir o nome dela na simulação de primeiro turno, metade dos seus eleitores não migra para ninguém, enquanto a outra metade se divide entre Armando Monteiro e Paulo Câmara, com preferência pelo Senador. Dos que disseram que votariam nela, 49% responderam que anulariam seu voto, votariam em branco ou não votariam em ninguém. Armando Monteiro beneficia-se com a migração de 20% dos votos dela e Paulo Câmara com 13%.

Resultado de imagem para armando monteiro

Na simulação espontânea, em que o respondente não tem acesso aos nomes dos pré-candidatos, todos os três candidatos aparecem com muito menos menção: Paulo Câmara com 12%, Marília Arraes com 8% e Armando Monteiro com 4%. Na sequência, Júlio Lóssio foi lembrado por 2%, Coronel Meira por 1%, Danielle Portela por 1%.

Em cenários de segundo turno, exercitando as possibilidades entre os três principais pré-candidatos, Marília venceria Armando por 29% a 20%, portanto fora da margem de erro - que é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos. Marília venceria Paulo com 28% contra 27%, o que constitui um empate técnico. Paulo venceria Armando com 28% contra 24%, novamente configurando empate técnico.

SEGUNDO TURNO - Em eventual segundo turno entre o governador e Armando, a migração do voto de primeiro turno de Marília é maior para o pré-candidato do PTB do que para o pré-candidato do PSB. Em cenário entre Marília e Paulo, o eleitor de Armando beneficia mais Marília do que Paulo: 44% preferem Marília, enquanto 24% preferem Paulo. Na hipótese de sair Paulo, seus votos se distribuem mais em favor de Marília: 31% migrariam para a candidata do PT e 19% para Armando. A frequência de eleitores de Marília que, diante de um cenário de segundo turno sem ela, disseram que não votariam em ninguém, chama a atenção. São 53% de eleitores que de alguma forma não votariam em nenhum dos dois candidatos.

Resultado de imagem para jarbas
PARA O SENADO DISPUTA TAMBÉM É ACIRRADA - Foram avaliados dois cenários da candidatura ao Senado na pesquisa Datamétrica: com Jarbas Vasconcelos e sem ele. Os demais nomes foram mantidos nas duas simulações. Na simulação que inclui o ex-governador e deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB), ele aparece em primeiro lugar, com 23% das intenções, seguido de Mendonça Filho (DEM) com 19% e Humberto Costa (PT) com 17%. Trata-se, desta forma, de um empate técnico, em que não se pode afirmar quais dos dois, dentre os três, seriam efetivamente eleitos, fossem as eleições hoje. Os demais nomes aparecem bem atrás: José Queiroz (PDT) com 6%, Silvio Costa (Avante) com 5%, André Ferreira (PSC) com 4%, Maurício Rands (PROS) com 2%, Eugênia Lima (PSol), Albanise Pires (PSol) e Antônio Souza (Rede) com 1% cada.
A PESQUISA - A amostra foi composta por 600 entrevistas aplicadas junto a eleitores que moram e votam no estado de Pernambuco em todas as regiões. A pesquisa foi realizada nos dias 8 e 9 de junho. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos. Tem intervalo de confiança de 95%, foi feita por meio de entrevistas presenciais e está registrada no TRE sob o registro PE-02648/2018. Com informações do blog do Carlos Eugênio.
GIRO POLÍTICO (12/06) Zé Teixeira terá candidatos próprios em Paranatama E MAIS... Vice-prefeito entre a cruz e a espada


O ex-prefeito de Paranatama, José Teixeira Neto (PSB), popularmente conhecido apenas por Zé Teixeira, já está em plena campanha política onde diariamente percorre a zona rural daquele município conversando com amigos, correligionários e apresentando seus candidatos para o pleito que se avizinha.

Zé Teixeira vai apoiar João Campos (PSB), que é filho do ex-governador Eduardo Campos (In memoriam) para federal e Marcantonio Dourado (PSB) para estadual. A decisão de ter candidatos próprios parece que partiu depois de sucessivos desgastes com a atual gestão municipal, que culminou com a saída de José Teixeira Filho, da secretaria de saúde, o que causou um grande reboliço e especulações.


Oficialmente Zé Teixeira e o atual prefeito, Valmir do Leite (PSB) não estão rompidos, mas, nos bastidores da política paranatamense já são dados como futuros adversários, tanto nestas eleições de 2018 como também em 2020. 

Valmir do Leite foi vice-prefeito de Zé Teixeira durante 08 anos e teve apoio incondicional, o que está rendendo para o ex-prefeito a alcunha de um dos políticos que tem mais palavra de todo o agreste.

No último domingo (03/06), João Campos esteve no povoado Alto da Serra em Paranatama, onde ao lado de Teixeira, fizeram uma caminhada na feira livre daquela comunidade que fica às margens da BR-423. Existe uma expectativa que os candidatos apresentados por “Seu Zé” possam fazer frente ante os candidatos de Valmir. Quanto a João Campos é o candidato preferido e protegido pelo governo e poderá quebrar a barreira dos 300 mil votos.

VICE-PREFEITO DE PARANATAMA, CLAUDEÍLSON OLIVEIRA PRESSIONADO – O Vice-prefeito de Paranatama, o jovem Claudeílson Oliveira (PDT), que já foi vereador e candidato a deputado nas eleições de 2014, não deve estar vivendo uma situação fácil com o imbróglio da política em seu município. Isso porque Claudeílson é sobrinho de Zé Teixeira e sua participação na chapa majoritária em 2016 dependeu da indicação e aval de Teixeira. Como não tem nada a ver com a briga política, um dos prováveis caminhos que Claudeílson deverá tomar é de neutralidade, apoiando um dos deputados de Valmir e um dos deputados de Zé Teixeira.


A postura apontada deverá ser a mais coerente a ser tomada pelo vice-prefeito que deverá esperar o desenrolar do futuro político, pois no fundo sempre existe a possibilidade de uma reaproximação dos quase rivais políticos e servirá também para saber qual a participação de Oliveira em uma futura chapa dos dois principais líderes políticos de Paranatama na atualidade.
Armando é confirmado como candidato a governador, Mendonça será senador


A Frente das Oposições de Pernambuco oficializou nesta segunda-feira (11), num evento prestigiado com representantes de todas as regiões do Estado, as pré-candidaturas do senador Armando Monteiro (PTB) ao Governo de Pernambuco e do deputado federal Mendonça Filho (DEM) ao Senado.

O tom do evento foi de grande mobilização com os pernambucanos pela mudança. “Vim hoje aqui celebrar a esperança, falar do futuro e convocá-los para que, juntos, possamos mobilizar todas as forças de Pernambuco.

Nós precisamos construir a unidade lá fora, convocar os pernambucanos de boa vontade para que, juntos, superando preconceitos, possamos nos juntar para recuperar em Pernambuco o tempo que perdemos”, destacou Armando Monteiro, informando que os pré-candidatos começarão a percorrer todas as 12 microrregiões do Estado a partir desta semana.

PP de Eduardo da Fonte estará no lançamento da candidatura de Armando Monteiro E MAIS Eduardo da Fonte e Sebastião Oliveira decidem que vão marchar juntos

Resultado de imagem para armando governador

Em um claro recado ao governador Paulo Câmara (PSB), o PP (Progressistas) do deputado federal Eduardo da Fonte, se fará presente no lançamento oficial de Armando Monteiro (PTB) para governador de Pernambuco, pelo grupo das oposições que acontece nesta segunda-feira (11) no hotel Bugan, em Boa Viagem.

O PP participará do lançamento da pré-candidatura de Armando Monteiro com a presença do deputado federal Marinaldo Rosendo que irá representando o partido, com o aval de Eduardo. Com isso crescem as especulações de que o PP, dono de um dos maiores tempos de televisão, pode ficar com Armando Monteiro na disputa.


Outra notícia que reforça a tese de um possível rompimento do PP e do PR com o PSB, é o fato de Dudu da Fonte e Sebastião Oliveira (PR) decidirem que qualquer que seja a decisão tomada pelas suas siglas deverão juntos integrar uma chapa majoritária, no caso, o senado.

Os presidentes do PR e PP, estiveram reunidos neste domingo (10) com o ex-deputado Ettore Labanca, oráculo de ambos, e o deputado estadual Vinícius Labanca. No cardápio, uma conversa sobre o quadro eleitoral de 2018 e uma decisão que mexerá com a estrutura da disputa pelo Palácio do Campo das Princesas. Dudu e Sebá acertaram que qualquer que seja o caminho adotado, será conjunto, pois entenderam que juntos eles poderão determinar o resultado da eleição, inclusive reivindicando uma vaga na chapa majoritária. Com informações do blog do Edmar Lyra
LULA lidera pesquisa DATAFOLHA com 30%, Bolsonaro tem 17% e Marina 10%

Resultado de imagem para lula guerreiro

Uma pesquisa do Instituto Datafolha foi divulgada neste domingo (10) pelo jornal "Folha de São .Paulo" com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018. Foram feitas 2.824 entrevistas entre 6 e 7 de junho, em 174 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Cenário 1 (Se Lula for candidato)

·                   Lula (PT): 30%
·                   Jair Bolsonaro (PSL): 17%
·                   Marina Silva (Rede): 10%
·                   Geraldo Alckmin (PSDB): 6%
·                   Ciro Gomes (PDT): 6%
·                   Alvaro Dias (Podemos): 4%
·                   Manuela D'Ávila (PC do B): oscila entre 1% e 2%
·                   Rodrigo Maia (DEM): oscila entre 1% e 2%
·                   Aldo Rebelo (SDD): oscila entre 0% e 1%
·                   Fernando Collor de Mello (PTC): oscila entre 0% e 1%
·                   Flávio Rocha (PRB): oscila entre 0% e 1%
·                   Guilherme Afif Domingos (PSD): oscila entre 0% e 1%
·                   Guilherme Boulos (PSOL): oscila entre 0% e 1%
·                   Henrique Meirelles (MDB): oscila entre 0% e 1%
·                   João Amoêdo (Novo): oscila entre 0% e 1%
·                   João Goulart Filho (PPL): oscila entre 0% e 1%
·                   Josué Alencar (PR): oscila entre 0% e 1%
·                   Levy Fidelix (PRTB): oscila entre 0% e 1%
·                   Paulo Rabello de Castro (PSC): não alcança 1% em nenhum cenário
·                   Sem candidato: 21%