ELEIÇÕES – Carro de som e minitrio somente em atos de campanha

/ 22 julho
ELEIÇÕES – Carro de som e minitrio somente em atos de campanha

Imagem relacionada

A menos de um mês do início da campanha eleitoral deste ano, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) fixou um entendimento sobre uma questão que vem causando polêmica: o uso de carros de som e minitrios. Em sessão realizada na última quinta-feira (19), respondendo a uma consulta do Solidariedade, o TRE definiu que em Pernambuco os equipamentos sonoros não poderão ser usados isoladamente.

Em seu voto, a desembargadora Érika de Barros Lima Ferraz, que relatou o pedido de esclarecimentos, disse que apenas seria permitida a utilização de carros de som e minitrios em carreatas, caminhadas, passeatas e durante reuniões e comícios.

Para a relatora “a sonorização ambulante não deve ser efetuada fora das hipóteses previstas na Lei. O objetivo da norma é evitar a intensidade e intermitência dessa modalidade de propaganda ensejadora de poluição sonora, uma vez que sempre fora objeto de reclamações intensas pela população”.

O voto foi acompanhado por unanimidade pelos demais desembargadores da Corte Eleitoral e, na prática, proíbe o uso de carros de som e de minitrios em situações diversas daquelas apontadas, vedando a circulação isolada de equipamentos sonoros para divulgar propaganda eleitoral por meio de mensagens ou jingles.
ELEIÇÕES – Carro de som e minitrio somente em atos de campanha

Imagem relacionada

A menos de um mês do início da campanha eleitoral deste ano, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) fixou um entendimento sobre uma questão que vem causando polêmica: o uso de carros de som e minitrios. Em sessão realizada na última quinta-feira (19), respondendo a uma consulta do Solidariedade, o TRE definiu que em Pernambuco os equipamentos sonoros não poderão ser usados isoladamente.

Em seu voto, a desembargadora Érika de Barros Lima Ferraz, que relatou o pedido de esclarecimentos, disse que apenas seria permitida a utilização de carros de som e minitrios em carreatas, caminhadas, passeatas e durante reuniões e comícios.

Para a relatora “a sonorização ambulante não deve ser efetuada fora das hipóteses previstas na Lei. O objetivo da norma é evitar a intensidade e intermitência dessa modalidade de propaganda ensejadora de poluição sonora, uma vez que sempre fora objeto de reclamações intensas pela população”.

O voto foi acompanhado por unanimidade pelos demais desembargadores da Corte Eleitoral e, na prática, proíbe o uso de carros de som e de minitrios em situações diversas daquelas apontadas, vedando a circulação isolada de equipamentos sonoros para divulgar propaganda eleitoral por meio de mensagens ou jingles.
Continue lendo
GIRO POLÍTICO (21/07) Prefeito de Águas Belas diz que vai esperar orientação do PT quanto ao apoio para governador E MAIS... Armando Duarte, prefeito de Caetés diz que ainda não decidiu sobre apoio

Presidente veio diversas vezes a Pernambuco, sua terra natal, quando era presidente. Ele visitou o assentamento da Normandia. Foto Ricardo Stukert

O Diário de Pernambuco, deste sábado (21) traz um importante raio-x da situação dos prefeitos que que fazem parte do agreste em relação as expectativas e os apoios nas eleições para governador que devem ser disputadas entre: Armando Monteiro (PTB), Marília Arraes (PT) e Paulo Câmara (PSB).

Participaram das entrevistas ao referido jornal os prefeitos de Garanhuns, Caetés, Águas Belas, Cachoeirinha, Cupira, Jataúba, Jupi, Lagoa dos Gatos, Pesqueira, Saloá, Tacaimbó, Toritama e Limoeiro.  Três pontos se destacam na fotografia eleitoral do Agreste pernambucano neste momento, faltando menos de um mês para o início da campanha.

Na região onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula nasceu, os candidatos ao governo do estado pisam em areia movediça (os apoios que eles recebem dos prefeitos podem mudar a qualquer momento), os eleitores ainda estão desanimados com a política e será mais difícil levá-los às urnas.

A avaliação foi feita por grande parte das lideranças ouvidas pela reportagem na segunda maior região eleitoral de Pernambuco. O diferencial pode ser o próprio Lula, caso ele seja realmente candidato. O Agreste tem 71 municípios, 1.692.811 eleitores, o que corresponde a 25,30% dos votantes do estado.

ÁGUAS BELAS - O prefeito de Águas Belas, Luiz Aroldo (PT), disse esperar, disciplinadamente, uma posição do PT nacional para se posicionar. Ele vai apoiar Marília Arraes ou Paulo Câmara, conforme a decisão do partido.

Para Luiz Aroldo, um dos poucos prefeitos petistas do estado, o diferencial da região agrestina é ter dado ao Brasil o seu filho mais ilustre: Lula. Ele lembra que, em 2014, Lula não estava preso, andou pelo estado nas eleições e vai ter um peso ainda maior na disputa deste ano, por conta da injustiça cometida contra ele. “Lula nasceu em Caetés. Se Lula mandar votar em qualquer pessoa, o povo do Agreste vai seguir o que ele disser. O Agreste marchará unido para tirar Lula da cadeia”, avaliou Luiz Aroldo


Agreste meridional Fonte: Diario de Pernambuco

CAETÉS – Outro fato importante vem da terra de Lula, Caetés, onde o prefeito, Armando Duarte (PTB), um dos mais bem avaliados do agreste meridional, aparece no infográfico como indeciso, que ainda não decidiu sobre com quem marchará nas eleições, se com Armando, Marília ou Paulo.

Armando Duarte era aliado de Armando Monteiro no passado e em evento no início do ano supostamente teria declarado apoio ao governo por viabilizar uma grande obra de abastecimento que beneficiária vários municípios, como Caetés e Capoeiras por ex. O anuncio na época provocou a dissidência de várias lideranças na terra de Lula que migraram para Marília Arraes e são bastante influentes nos dias atuais.

O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis (PTB), acredita que, em 2014, houve uma comoção muito grande com a morte do ex-governador Eduardo Campos (PSB) que encobriu os debates políticos no estado. Esse ano, isso não acontecerá. Vamos mostrar que eles prometeram e não cumpriram os projetos.

As oposições têm tudo para ganhar as eleições no Agreste. Ele (Paulo Câmara) fala o tempo todo em crise. A crise mostra se homem público tem ou não competência, se sabe ou não administrar. Teve uma época, não me lembro bem a data, instalavam poste na zona rural dizendo que ia ter iluminação. Depois da eleição, vieram e levaram os postes. O governo de Paulo Câmara fez isso, declarou Izaías.

Matéria editada por Wellington Freitas sobre Caetés e introdução da reportagem.


Todos os créditos das informações a jornalista, Aline Moura do Diário de Pernambuco.
PSDB e Bruno Araújo podem deixar o barco de Armando Monteiro


O deputado federal, Bruno Araújo e o PSDB pernambucano, ficaram insatisfeitos com a condução do senador Armando Monteiro (PTB), para a composição da chapa majoritária. O movimento realizado pelo petebista, que não teria se entusiasmado com a escolha de Bruno Araújo para uma das vagas de senador na chapa, dentre outros motivos, foi o estopim para que o PSDB optasse por deixar a coligação.

Em nota, Bruno Araújo deixa nas mãos da executiva nacional qual o melhor caminho a se tomar em Pernambuco. Ainda não se sabe se o PSDB lançará candidatura própria, mas como não tem diálogo com o PSB nem com o PT, cogita-se que a sigla lance Elias Gomes – ex-prefeito de Jaboatão – para disputar o governo de Pernambuco. Outro motivo especulado pela mídia para o rompimento, seria a aproximação de Armando com o ex-presidente Lula.
PDT e mais dois partidos podem desembarcar da “Frente Popular” de Paulo Câmara

Resultado de imagem para paulo camara cara feia

É visível que a “Frente Popular” idealizada e concretizada por Eduardo Campos (in memoriam), já viveu seu apogeu e os dias de glórias parecem que ficaram mesmo no passado. Ora, encabeçada pelo governador Paulo Câmara (PSB), uma verdadeira máquina de apoios políticos, nos dias atuais pena para conseguir manter a duras penas seus aliados.

Diferentemente de 2014, quando teve o apoio de 21 partidos, hoje os governistas contam com pouco mais de 10 siglas na possível coligação, já receberam um baque grande, pois o tempo de TV de Armando e Cia é maior. E para acabar de acertar, o PROS deixou o governo na última semana, foi para o palanque de Marília Arraes e a debandada pode ser ainda maior.

Do blog Ponto de Vista - A Frente Popular corre sérios riscos de desidratar ainda mais com a possibilidade de desembarque do Patriotas, Solidariedade e PDT.
A perda de partidos, independente do seu tamanho e força eleitoral, fragiliza qualquer projeto de manutenção ou conquista do poder. Um movimento desta natureza é visto como um indicativo de fragilidade política e presságio de insucesso eleitoral do grupo onde há a baixa de aliados.
Comandado no estado pelo Pr. Eurico, deputado federal que na eleição de 2014 figurou como o segundo mais votado após superar os 233 mil votos, já abriu diálogo com o pré-candidato a governador Armando Monteiro (PTB). Ao blog, uma fonte que prefere reserva, revelou que a relação de Eurico com o Palácio só piorou após o posicionamento do parlamentar contrário a apresentação da peça teatral que ofendia os cristãos que chegou a ser contratada pela Fundarpe para se apresentar no Festival de Inverno de Garanhuns e depois foi cancelada. Caso se materialize a ida do Patriotas para Armando, o governador Paulo Câmara não apenas perderá mais um líder do seguimento evangélico, mas também uma boa quantidade de deputados federais e estaduais que estão filiados à sigla.
Outra sigla que também avançou em conversas com o candidato petebista foi o Solidariedade, partido presidido no estado pelo deputado federal Augusto Coutinho. Desde que teve o seu espaço reduzido no Governo do Estado o clima dentro do Solidariedade é de grande insatisfação que pode piorar caso o governador sinalize a possibilidade da deputada Luciana Santos participar de sua chapa, uma vez que a comunista é adversária de professor Lupércio, prefeito de Olinda e integrante do Solidariedade. Além desses agravantes, a relação familiar entre Augusto Coutinho e Mendonça Filho, candidato a senador na chapa de Armando, é outro fator que tem sido levado em consideração para a possível saída do Solidariedade da base governista.
Quanto ao PDT, partido presidido no estado por Wolney Queiroz, à permanência na Frente Popular depende de como o PSB se posicionará nacionalmente em relação à candidatura do presidenciável pedetista Ciro Gomes. Caso o PSB decida pelo caminho da neutralidade ao invés de caminhar com Ciro, são grandes as chances do PDT caminhar com a candidatura de Marília Arraes para o Governo do Estado.
Neste cenário o ex-prefeito de Caruaru, Zé Queiroz, pode figurar como candidato ao Senado ou ser vice da petista. Além da condicionante de aliança nacional entre PSB e PDT, outro aspecto tem pesado para que a sigla possa ir para o PT. As melhores condições de reeleição de Wolney Queiroz que uma aliança com Marília oferece.
Com uma reeleição em risco, Wolney apostava na formação de uma chapinha entre o PDT, PP,PROS,Solidariedade, PC do B e PR para salvar o mandato. No entanto, com o desembarque do PROS e a grande possibilidade de saída do Solidariedade da Frente Popular os planos da chapinha se concretizar está indo por água abaixo.
Caso não chame o feito à ordem e conduza o processo no sentido de evitar mais baixas, não demorará muito para que o governador Paulo Câmara comece a ser servido com café frio.
SENADO – Jarbas lidera, seguido por Humberto e Mendonça

Resultado de imagem para jarbs e humberto

A pesquisa Datamétrica trouxe um cenário mais atualizado sobre a disputa pelo Senado quando estarão em jogo duas vagas na Câmara Alta. O levantamento colocou Jarbas Vasconcelos liderando com 32% de intenções de voto, tendo crescido 9 pontos em relação ao último levantamento. Por já ter sido governador e senador, Jarbas é de longe o mais conhecido do eleitor que pode querer manter a vitoriosa trajetória política de Jarbas que é a maior referência política de Pernambuco.

Na segunda colocação um empate técnico entre Humberto Costa com 25% e Mendonça Filho com 24%, num claro sinal de acirramento pelas duas vagas para a Câmara Alta. Apesar de estar oficialmente em terceiro lugar, Mendonça aparentemente é o candidato mais garantido na disputa, devido ao jogo que ainda está em curso a respeito do MDB de Jarbas e o PT de Humberto, que podem ter destinos diferentes do desejo de seus postulantes. Isso torna Mendonça um candidato muito competitivo, mas que dependerá muito do desempenho de Armando Monteiro e de Bruno Araújo na eleição para viabilizar sua campanha.

Resultado de imagem para jarbs e humbertoSilvio Costa, por sua vez, mesmo figurando com apenas 5%, é provável que cresça durante a campanha com a plataforma de ser o senador de Lula e de Marília. Silvio tem apelo político na sua postulação e consegue capitalizar politicamente a sua relação com o ex-presidente. Se Marília Arraes chegar ao segundo turno é muito possível que Silvio Costa alcance uma das vagas de senador, sobretudo no quadro de candidaturas que ainda é muito aberto.

Como a eleição de senador é totalmente dependente da de governador, isso está demonstrado em quase todas as eleições que ocorreram no estado, o desfecho das duas vagas dependerá fortemente do desempenho de Paulo Câmara, Armando Monteiro e Marília Arraes na disputa pelo Palácio do Campo das Princesas, havendo uma grande possibilidade de repetir 1994 e serem eleitos dois candidatos de chapas distintas. Com informações e texto de Edmar Lyra do blog do Edmar Lyra
Em solenidade na próxima sexta (20), vereador Alcindo Correia entrega medalhas às personalidades de destaque em Garanhuns

Resultado de imagem para Alcindo correia

Na próxima sexta-feira (20), durante solenidade a ser realizada na câmara de vereadores de Garanhuns, o vereador, Alcindo Correia (PCdoB) fará a entrega de medalhas de mérito na área educacional e da saúde. Na ocasião será entregue a medalha Amílcar da Mota Valença, que também é de autoria do vereador Alcindo e leva o nome em homenagem a um dos grandes prefeitos da suíça pernambucana.

Receberá a medalha de Mérito Educacional, a professora, Verônica Rodrigues A. Cavalcanti, que atualmente desempenha a função de gestora à frente da escola Jaime Luna, na Cohab 3, desempenhando um bom papel com os alunos e a comunidade. Receberá a medalha de Mérito da Saúde, o médico cirurgião, Almir Penaforte Júnior, pelos relevantes trabalhos prestados à população do município.

Resultado de imagem para ivo amaral
Quem será agraciado com a medalha, Amílcar da Mota Valença, será o ex-prefeito de Garanhuns, Ivo Tinô do Amaral, que dentre tantos trabalhos e obras no município foi o idealizador do Festival de Inverno de Garanhuns, o famoso FIG. O ex-prefeito será a primeira personalidade política a receber a comenda nesta sexta-feira (20).

Alcindo Correia é vereador de Garanhuns em seu segundo mandato, é oriundo do distrito de São Pedro, exerce a liderança do governo Izaías Régis na câmara e é um dos principais apoiadores de Marília Arraes no agreste meridional.


Estratégia escolhida por Paulo Câmara expõe a fragilidade de sua reeleição
Resultado de imagem para paulo camara cansado
Por Wellington Ribeiro do blog Ponto de Vista

Os esforços que o governador Paulo Câmara tem concentrado para levar o PT para o seu palanque com o objetivo de impedir a candidatura de Marília Arraes ao Governo do Estado, não tem servido para outra coisa senão para passar o quão frágil e inseguro é o seu projeto de reeleição.

A imagem que toda esta movimentação tem passado é a de que o seu sucesso nas urnas depende exclusivamente da saída de Marília do páreo. O mais novo levantamento do Instituto Datamétrica, divulgado na terça (17), mostrou que a estratégia escolhida pelo PSB, ainda que seja alcançada, tenderá a não surtir o efeito esperado pelo Palácio tudo porque a migração dos votos de Marília é maior para Armando Monteiro (PTB).

Com um sentimento de insegurança quanto à competitividade de sua candidatura contaminando toda a sua base de apoio, o governador Paulo Câmara tem grandes chances de vivenciar na eleição de 2018 o que aconteceu com Mendonça Filho em 2006, quando houve uma debandada de lideranças à medida que a eleição se aproximava.

Na época Mendonça disputou contra dois candidatos competitivos e acabou perdendo a eleição no segundo turno. Porém, diferente de Mendonça Filho, que em 2006 contava com um padrinho forte e com um governo bem aprovado, Paulo está sozinho e com um governo amargando índices nada satisfatórios de reprovação popular.
Zé Maurício e Wolney Queiroz visitaram Saloá durante festas juninas promovidas pela NOVA oposição


Os deputados, Zé Maurício e Wolney Queiroz, estadual e federal respectivamente, prestigiaram no último sábado (14), as festas juninas realizadas pela NOVA Oposição de Saloá, no Agreste Pernambucano, junto à população local e na companhia de Wellington Freitas, que foi vereador na cidade e candidato a vice-prefeito nas últimas eleições, dos Vereadores Zé Cabeleireiro e Valdir Lopes, do suplente de vereador, Prof Bá e dos candidatos a vereadores na última eleição, Josa Vicente, Adonis Vicente além do blogueiro Francisco Elmes, Luiz de Abílio e demais amigos e lideranças.

Acompanharam os parlamentares nos festejos e nas visitas pela cidade, o vereador de Garanhuns Alcindo Correia, o vereador de Terezinha, Adriano Campos e a vereadora de Bom Conselho Ivete Enfermeira, além do presidente do STR da cidade de Terezinha Emanuel e o ex-vereador e ex-presidente da câmara de Saloá, Manoel da Maternidade (pai do vereador Zé Cabeleireiro) e também Washington Cadete.

A NOVA Oposição saloaense, realizaram festejos no povoado de Serrinha da Prata (30 de junho), cidade de Saloá (07 de julho) e neste sábado (14) os festejos ocorreram no sítio Batinga e contou com o som da banda Forrozão AD.  Antes houve a apresentação da Junina “Pé da Roça” de Saloá.


Durante a ocasião, Zé Maurício e Wolney, conversaram com a TV Saloá Web sobre os esforços que vêm sendo implementados na cidade – como a destinação de emendas para a construção de poços artesianos – a partir das demandas trazidas pelo grupo político e destacaram as obras estruturantes que já estão acontecendo, como a construção de três grandes barragens na zona rural do município.

Através dos esforços dos jovens políticos saloaenses em parceria com Wolney Queiroz e Zé Maurício, os sítios Manoel Ferreira, Camaratuba do Catimbau e Camaratuba da Prata estão sendo beneficiados com a construção das barragens. barragens.
Governo antecipa 1ª parcela do 13º dos aposentados e pensionistas do INSS junto com o pagamento de agosto

Imagem relacionada

Aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) receberão a primeira parte do 13º salário junto com a remuneração de agosto. A primeira parcela do abono anual corresponderá a até 50% do valor do benefício.
O decreto autorizando a antecipação foi assinado hoje (16) pelo presidente Michel Temer, mas ainda não foi publicado no Diário Oficial da União. A medida deve injetar R$ 21 bilhões na economia do país e movimentar o comércio e outros setores.
Como determina a legislação, não haverá desconto de Imposto de Renda na primeira parcela paga a aposentados e pensionistas do INSS. O imposto sobre o valor somente pode ser cobrado na segunda parcela da gratificação natalina, a ser paga junto com a remuneração de novembro.
Desde 2006, o governo antecipa a primeira parcela do 13º salário dos aposentados e pensionistas na folha de agosto.
Somente em 2015, o pagamento foi adiado para setembro, por causa do ritmo fraco da economia e da queda da arrecadação.
População de Paranatama faz protesto pedindo recapeamento do asfalto da entrada da cidade

A imagem pode conter: céu e atividades ao ar livre

A população do município de Paranatama, realiza um protesto pacífico das 8:00h às 14:00h desta terça-feira (18), pedindo uma solução urgente e imediata no recapeamento asfáltico da principal estrada que dá acesso à cidade. O ato foi divulgado nas redes sociais pelo cidadão e empresário, Zelandyo Santos Silva, proprietário da rede de investimentos Monte Horebe.

Essa não é a primeira vez que a população paranatamense pede a solução deste problema que se arrasta há vários e vários anos e vem desde a administração do então governador Eduardo Campos (in memoria), passando pelas promessas não cumpridas do atual governador Paulo Câmara (PSB).

A imagem pode conter: atividades ao ar livre

Em 16 de novembro de 2017 (relembre AQUI) a população fechou o acesso à Paranatama na BR-423, pedindo lombadas eletrônicas para a localidade e também o recapeamento asfáltico. Na época a obra chegou a ser prometida mas, até agora ainda não foi realizada.
DATAMÉTRICA – Paulo tem 25%, Marília 21% e Armando 17%. SEGUNDO TURNO – Marília venceria a eleição


Do Diario de Pernambuco

Na segunda pesquisa sobre a corrida eleitoral deste ano em Pernambuco, realizada pela Datamétrica, entre os dias 11 e 12 de julho, observa-se pouca mudança em comparação à primeira, feita entre 8 e 9 de junho. Os três principais candidatos cresceram um pouco e as posições relativas deles permanecem as mesmas, tanto na intenção de voto espontânea como na estimulada.
Paulo Câmara (PSB) na liderança, seguido de Marília Arraes (PT) e de Armando Monteiro (PTB). Estatisticamente, entretanto, os três continuam num empate técnico. A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos.
A intenção espontânea de voto apresenta:
Paulo Câmara com 13% (em junho ele tinha 12%),
Marília Arraes com 11% (em junho ela tinha 8%)
Armando Monteiro com 6% (sendo 4% a registrada em junho)

Os demais candidatos obtiveram, cada um, menos de 1% das intenções de voto. Os indecisos cresceram de 39% para 53%, e aqueles votariam branco ou nulo caíram de 28% para 14%.
Estimulada
A intenção estimulada de voto no cenário, considerando a participação da pré-candidata do PT, repete a ordem dos candidatos da espontânea, sendo todos com índices maiores, como se esperaria das respostas estimuladas.
Paulo Câmara 25%
Marília Arraes 21%
Armando Monteiro 17%

Os números confirmam a liderança do governador, ainda que estejam todos empatados dentro da margem de erro. Os números da pesquisa anterior foram: 20%, 17% e 14%, respectivamente. Os demais candidatos ficaram entre 0% e 2%. A mudança expressiva foi dos brancos e nulos, que caíram de 35% para 26%, o que é natural à medida que a eleição se avizinha.
O cenário sem a pré-candidata do PT mantém o governador na liderança, com 28%, seguido do pré-candidato do PTB, com 22%. A distância de 6 pontos, entretanto, ainda significa empate técnico. Nessa simulação, os demais candidatos atingem, cada um, no máximo 2%. Votos brancos e nulos seriam de 33% (antes 42%). Indecisos caíram somente 1% (de 10% para 9%).
A migração dos votos de Marília Arraes, quando se retira o nome dela da disputa, sugere uma preferência clara do seu eleitorado por Armando Monteiro. O pré-candidato do PTB recebe 33% dos votos dela, enquanto o governador recebe 13%. Essa vantagem de Armando Monteiro sobre os votos de Marília Arraes se ampliou significativamente desde a pesquisa de junho, quando ele recebia 20% dos votos que seriam dela, enquanto Paulo Câmara recebia os mesmos 13%.
SEGUNDO TURNO
Na pesquisa do Instituto Datamétrica, divulgada nesta terça-feira (17) pelo Diario de Pernambuco, os números mostram um cenário favorável para a petista Marília Arraes. Mesmo num cenário de empate técnico, ela aparece na frente dos Adversários.
Se a eleição fosse entre Marília x Paulo Câmara, ela teria 34% contra 30% do atual governador de Pernambuco. Se o adversário de Marília fosse o senador Armando Monteiro, ela teria 31% contra 29% do trabalhista. Se um eventual segundo turno fosse a repetição da eleição de 2014, Paulo Câmara e Armando estão empatados com 32%.
Zé Maurício visita o município de Catende
 
Em visita à cidade de Catende, na Mata Sul de Pernambuco, nesta quinta (12), o deputado estadual Zé Maurício concedeu entrevista à Rádio Farol FM 90,7, para o programa Alerta Geral com o radialista Ribeiro Jr.

Na ocasião, o parlamentar pontuou as suas atividades à frente da Comissão de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Alepe, que vem tendo como foco a questão da destinação correta dos resíduos sólidos e o fim dos lixões em Pernambuco.

Na entrevista, foram debatidos também a importância da educação na formação principalmente dos jovens, e os investimentos do Governo do Estado neste sentido, como o Programa Ganhe o Mundo.  Os recursos de emendas parlamentares do deputado para obras de infraestrutura, abastecimento d’água e reforço na saúde do município também foram pontuados no encontro; além das articulações para a ampliação do serviço de telefonia na Cidade.

O parlamentar visitou ainda na Câmara Municipal de Vereadores de Catende, onde conversou com a população a respeito das demandas do município. Acompanharam a visita, os vereadores Biu Flor, Dida e Xavier, além do ex-deputado federal Severino Cavalcanti, a liderança local Nilton Lins, entre outros presentes.

Wesley Leal assessoria
Paranatama tem novo ouvidor municipal


Jovem, bacharelando na área do direito e comunicador da prefeitura de Paranatama, esse é o perfil do mais novo ouvidor municipal. O jovem Elvis Amâncio, foi nomeado oficialmente pelo prefeito Valmir do Leite durante essa semana. Elvis assume o posto de “Nino” irmão de Valmir que ocupará uma outra secretaria.

A Ouvidoria Municipal é um elo de comunicação entre os munícipes (povo) e a administração pública municipal. Ela recebe reclamações, denúncias, solicitações, sugestões e elogios, após análise, são encaminhadas ao setor da prefeitura responsável, que são o prefeito e secretários. A ouvidoria acompanha o desenrolar dos problemas, com todo o sigilo e dedicação, e cobra sua solução. Em assuntos tais como: Irregularidades administrativas, deficiência do serviço público, abuso de autoridade praticado por integrante da administração municipal.

O jovem Elvis se mostrou muito animado e consciente da responsabilidade em aceitar a nova função. “ É uma missão e uma responsabilidade que recebo do prefeito Valmir, mas, com muita humildade e fé em DEUS, acredito que farei um bom trabalho à frente da ouvidoria, ajudando na solução dos problemas do meu município e contribuindo com o governo de Valmir”. Pontuou.

O número de contato da ouvidoria paranatamense é o (87) 98123-9721.