Paranatama - Contas de Zé Teixeira foram reprovadas pela câmara de vereadores

CONTAS DE ZÉ TEIXEIRA SÃO REPROVADAS PELA CÂMARA DE VEREADORES DE PARANATAMA


Aconteceu na manhã desta terça (08), a votação das prestações de contas do prefeito de Paranatama, José Teixeira Neto (PSB), referentes a gestão fiscal do ano de 2010. As prestações de contas de Zé Teixeira já tinham sido rejeitadas pelo pleno do TCE e chegou na câmara com parecer prévio do tribunal de contas do estado recomendando a reprovação das mesmas.

Para mudar o parecer prévio do TCE é preciso 2/3 dos votos favoráveis dos vereadores o que na prática significa que 6 dos 9 vereadores teriam que votar contra o parecer para que as contas fossem aprovadas.

O resultado da votação foi 5 x 4. Onde cinco vereadores votaram contra o parecer prévio do TCE e quatro votaram a favor do parecer prévio do TCE. Com o resultado mantem-se o parecer de reprovação das contas da prefeitura de Paranatama, gestão fiscal do ano de 2010 e o prefeito Zé Teixeira ficará oito anos inelegível e não poderá concorrer a nenhum cargo político neste período.

A câmara municipal de Paranatama é composta por nove vereadores, desses nove,  apenas três são oposição ao gestor municipal, que são os vereadores Zé Quirino (PT), Marli Moura (PR) e Edvaldo (PTN). São vereadores da situação Tatá Moita (PDT), Adriana de Fausto (PDT), Nando Portela (PDT), Luciano Barbosa (PTB), Claudeílson Oliveira (PTB) e Louro Cipriano (PDT) (atual presidente).


A votação foi aberta e votaram a favor da aprovação das contas os vereadores Adriana de Fausto, Nando Portela, Luciano Barbosa, Claudeílson Oliveira, e Louro Cipriano. Votaram pela reprovação das contas os vereadores Tatá Moita, Zé Quirino, Marli Moura e Edvaldo.

Um comentário:

  1. É muito interessante como a lei é viável para alguns, pelo menos com base neste artigo, o infrator apenas terá como sansão oito anos inelegível e não poderá concorrer a nenhum cargo político neste período. Se as contas não bateram pra onde foi o dinheiro? Esse dinheiro que deveria ser aplicado para melhorias na comunidade, ninguém se pergunta o que se fez? O TCE simplesmente aceita isso, jogando na cara dos paranatamenses que 8 anos inelegibilidade é suficiente por ter infração nas contas do públicas. Lendo este artigo ainda tive a impressão de como seria se o candidato a Deputado citado como a favor da contas do prefeito, fosse eleito, pelo que vejo mesmo o TCE reprovando as contas ele simplesmente fechou os olhos e afirmou estarem corretas. Por favor né. Caro candidato a Honestidade é a base do homem, sem ela é um risco rastejar pelo chão por toda uma vida.

    ResponderExcluir

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.