Marina é dispensada por evangélicos no Ceará

MARINA É DISPENSADA POR EVANGÉLICOS NO CEARÁ                
Criticada pelos rivais na corrida pela presidência da República por ser evangélica, Marina Silva (PSB), talvez pensasse ser bem recebida entre os irmãos, porém pensou errado. Ao saber da possibilidade da candidata comparecer à comemoração de cem anos das Assembleias de Deus, o pastor Antônio José Azevedo, presidente da igreja em Fortaleza, deixou claro, ontem, ao jornal O Povo, que a chegada de Marina não seria bem-aventurada no evento.
O motivo para a recusa veemente seria o descontentamento do governador Cid Gomes (PROS) quanto à presença da candidata no evento. Segundo o pastor o governador, convidado devido ao cargo, teria dito que ficaria constrangido ao estar no mesmo espaço que a candidata. Na última quarta-feira (3), o PSB divulgou nota confirmando a chegada de Marina ao Ceará amanhã (6), mesmo dia em que acontecerá o evento.
Ao ser informado sobre a possibilidade de a candidata evangélica estar presente na celebração, o pastor Antônio José se apressou a afirmar que Marina não teria sido convidada por ele ou por qualquer instância da igreja. Ele garantiu ainda que não haveria espaços para discursos ou pronunciamentos. "Quero deixar claro que nós não convidamos a candidata Marina Silva nem qualquer outro candidato”, ressaltou.
A candidata ao governo do Estado, Eliane Novais (PSB), desmentiu os boatos e afirmou que o evento não fazia parte da agenda de Marina. Segundo Eliane, “Marina faria uma plenária conosco em um jantar de adesão com militantes e apoiadores do partido na noite de sábado". A visita da candidata acabou sendo adiada para o próximo dia 12, pois Marina deve passar primeiro por Salvador, onde deve participar da campanha de Lídice da Mata (PSB) ao governo da Bahia.

  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.