BIL FARIAS PERDE ELEIÇÃO PELA UVP

BIL FARIAS PERDE ELEIÇÃO PELA UVP


Eleito, ontem, para o comando da União dos Vereadores de Pernambuco (UVP), o vereador Josinaldo Barbosa (PTB), presidente da Câmara de Timbaúba, já havia ameaçado a reeleição de Biu Farias (PSB) na eleição passada. Sua vitória, apertadíssima, por uma diferença de apenas 10 votos, já era de certa forma esperada.
Havia entre os vereadores um desejo expresso pela renovação do comando da instituição, que estava sob o controle de um grupo, antes liderado pelo ex-vereador de Triunfo, João Batista, há mais de 10 anos. Biu Farias, no final do seu terceiro mandato, foi apoiado, na sua primeira eleição, pelo grupo de Batista.
É salutar a alternância de poder. Embora seja um bom camarada e tenha um bom trabalho, Biu entrou na campanha pela reeleição com uma taxa de rejeição alta. Conseguiu reverter muitos votos na reta final, tanto que perdeu por apenas 10 votos – 429 a 419 votos.
Mas seu crescimento não foi capaz de ofuscar o candidato da oposição, que soube fazer uma excelente campanha, andando o Estado inteiro, recorrendo até a propaganda em outdoors em várias regiões, principalmente na BR-232, corredor de grande visibilidade.
Mas não pode nem se deve creditar a vitória de Josinaldo a uma derrota das forças governistas, até porque Josinaldo, embora filiado ao PTB, não subiu no palanque de Armando Monteiro para governador na eleição passada, tendo apoiado o governador Paulo Câmara.
Outro fator importante foi a profissionalização da campanha de Josinaldo, com uma estratégia bem elaborada pelo cientista político Adriano Oliveira. O desafio do novo presidente é oxigenar a instituição, num instante em que o parlamento brasileiro está com uma imagem bastante desgastada, quase no fundo do poço.

Fonte: Magno Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.