Em passagem por Garanhuns, Marília Arraes diz que Pernambuco precisa de um governador que encare de frente os problemas e ressalta a importância das mulheres em participarem da política

Em passagem por Garanhuns, Marília Arraes diz que Pernambuco precisa de um governador que encare de frente os problemas e ressalta a importância das mulheres em participarem da política


Em passagem por Garanhuns, na manhã do domingo (19) a vereadora e pré-candidata ao governo de Pernambuco, Marília Arraes (PT), participou de um café da manhã com várias lideranças regionais, onde além de interagir com os presentes aproveitou a oportunidade para fazer uma leitura sobre o momento político que passa o Brasil e em especial o estado de Pernambuco.

“A crise da gestão de Pernambuco é acima de tudo uma crise política, é uma crise de liderança política, nós temos que ter um governador que assuma de frente os problemas, que não fique culpando governo federal por crise ou que fique culpando o município que não usa direito o recurso, que não fique colocando responsabilidades em tudo, menos em sua incapacidade de resolver as questões e isso acontece por uma acefalia política” destacou em uma das suas falas.

Em referência a chapa formada pela direita em Pernambuco, Marília destacou o fato de estarem pautados em um governo que beira os 100% de reprovação do povo brasileiro. “Do outro lado nós temos uma base que inclusive já teve alguns aliados nossos, mas, que hoje representa o governo Temer, reprovador por quase 100% da população e o pior, não está nem aí para o povo, continua fazendo uma agenda negativa para o Brasil”.

Para finalizar, a 1ª mulher e 1ª vereadora a pleitear o governo de Pernambuco, acredita que é importante que as mulheres venham para a política e além de participarem dos movimentos, candidatem-se, pois naturalmente os homens já estão inseridos em sua grande maioria no cenário político.

Participaram, do encontro várias lideranças dos vários municípios do agreste meridional, destacamos a presença do Psol de Garanhuns, na pessoa do presidente, Jaílton Elias, dos vereadores de Garanhuns, Alcindo Corrêa e Marinho das Estivas além de vereadores e lideranças de Brejão, Saloá, Terezinha, Bom Conselho, Angelim e Lagoa do Ouro entre outros.

Após a reunião, Marília seguiu para São Bento do Uma e à tarde participou da plenária do PT em Águas Belas, ficando decidido que continuará sua peregrinação por todo o estado de Pernambuco, mas que o partido só irá fechar a questão em 2018.

Texto: Wellington Freitas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.