PSDB e Bruno Araújo podem deixar o barco de Armando Monteiro

PSDB e Bruno Araújo podem deixar o barco de Armando Monteiro


O deputado federal, Bruno Araújo e o PSDB pernambucano, ficaram insatisfeitos com a condução do senador Armando Monteiro (PTB), para a composição da chapa majoritária. O movimento realizado pelo petebista, que não teria se entusiasmado com a escolha de Bruno Araújo para uma das vagas de senador na chapa, dentre outros motivos, foi o estopim para que o PSDB optasse por deixar a coligação.

Em nota, Bruno Araújo deixa nas mãos da executiva nacional qual o melhor caminho a se tomar em Pernambuco. Ainda não se sabe se o PSDB lançará candidatura própria, mas como não tem diálogo com o PSB nem com o PT, cogita-se que a sigla lance Elias Gomes – ex-prefeito de Jaboatão – para disputar o governo de Pernambuco. Outro motivo especulado pela mídia para o rompimento, seria a aproximação de Armando com o ex-presidente Lula.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.