IATI – Projeto não atinge número suficientes de votos e prefeito sofre nova derrota na câmara

IATI – Projeto não atinge número suficientes de votos e prefeito sofre nova derrota na câmara


De autoria do poder executivo, projeto de lei que visa implantar o trabalho intermitente no âmbito do governo municipal iatiense, não conseguiu o número mínimo de votos necessários para sua aprovação e acabou reprovado, configurando assim uma derrota para o gestor municipal.

Pelas informações, como o projeto tratava-se de uma questão financeira/orçamentária necessitava de 2/3 de votos dos 11 vereadores, ou seja, 8 votos. Mesmo com maioria na câmara o projeto obteve apenas 6 votos favoráveis e 5 contrários.

O presidente da câmara, vereador, Renato Almeida (PPS), além de comemorar e agradecer alguns vereadores e personalidades que ajudaram na polêmica questão, analisou como sendo positivo a reprovação do projeto, pois o mesmo traria grandes prejuízos aos trabalhadores, além de escravizar mais ainda quem necessita de empregos na prefeitura.

A oposição em Iati conta com 3 vereadores e nessa questão específica recebeu o voto de 2 vereadores da situação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.