Oposição dividida e governo sem pressa de anunciar sucessor – Quem são os prefeituráveis de Saloá


Oposição dividida e governo sem pressa de anunciar sucessor – Quem são os prefeituráveis de Saloá


Ao menos duas certezas já se têm para as eleições de 2020 no município de Saloá. O prefeito Ricardo Alves (MDB) e o ex-prefeito Gilvan Pereira não poderão ser candidatos no pleito do próximo ano. 

O primeiro por está gozando da sua reeleição e o segundo por ter as contas rejeitadas pela câmara municipal referentes os anos de 2010 e 2011. Como as contas foram rejeitadas em 2013 o mesmo só poderá se candidatar a algum cargo político a partir de 2021.

As certezas na política de Saloá param por aí e as incertezas tomam conta dos arranjos e rearranjos.

GOVERNISTAS – Extasiado pela maiúscula votação conseguida nas eleições estaduais de 2018, o prefeito Ricardo não tem pressa de anunciar seu sucessor e vários nomes vão sendo cogitados e testados sem porém atingir o nível de aceitação desejado. 

A cobiça em ser apoiado pelo atual gestor e ter a máquina pública atuando em seu favor mexe com os sonhos de muita gente. Porém, a decisão do candidato somente deverá ocorrer em meados de 2020 o que deve gerar bastante especulação.

SOCORRO DO LEITE – A atual vice-prefeita, Socorro do Leite (PR) é um dos nomes postos pela população para disputar um mandato de prefeita. Na visão dos analistas políticos de plantão na cidade, será surpresa a indicação de “Dona Socorro”, por parte do governo municipal, mas, argumentam que nada está descartado.

Seu esposo, o ex-prefeito Zé do Leite (PR), possui grande aceitação entre os mais humildes e a depender de qual lado estiverem farão da política bastante acirrada.

WELLINGTON FREITAS e a OPOSIÇÃO – No momento a oposição encontra-se dividida. De um lado Wellington Freitas (Progressistas) pré-candidato a prefeito, os vereadores Valdir Lopes (PRTB) e Zé Cabeleireiro (Progressistas) ao lado de outros companheiros como é o caso do professor, Edson Gerônimo (Bá), formam a chamada NOVA Oposição, se colocam como opção. A definição aqui deverá ser acertada dentro do próprio grupo.

Do outro lado isolado, o ex-prefeito Gilvan, poderá apresentar um dos filhos como candidato a prefeito ou vice. O mais provável é que um dos seus filhos seja apontado como vice em algum grupo, não sendo descartado sua união com a base governista. Comenta-se a boca miúda que um dos filhos poderá vir candidato a vereador.

Nas eleições estaduais de 2016 o grupo de prefeito foi vitorioso na cidade, como grupo liderado pro Wellington em segundo e o do ex-prefeito Gilvan em terceiro. A vice-prefeita Socorro do Leite anunciou o voto em seus candidatos sem no entanto ir para a rua fazer campanha.

A disputa pelo "Trono de Ferro" será grande. 

Um comentário:

  1. POLITICA E UMA GRANDE ROÇA, TEM QUE SER TRATADA, DIREITINHO.OS CANDIDATOS TEM QUE SER ORGANIZADOS E TER BONS ALIADOS E TEM QUE TER AQUELES BEM PUXA SACO PRA FALAR BEM DO CANDIDATO NOS QUATRO CANTOS DA CIDADE E DO MUNICIPIO.AI EM SALOA A COISA TA ESQUENTANDO TA FICANDO MUITO BOM

    ResponderExcluir

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.