Premiações iguais – Marília Arraes é relatora de lei que determina que homens e mulheres recebam mesma premiação em competições

Marília Arraes é relatora de lei que determina que homens e mulheres recebam prêmios iguais em competições com verba pública


A deputada federal por Pernambuco, Marília Arraes (PT) é relatora de projeto de lei que regulamenta que as premiações em competições com dinheiro público sejam o mesmo valor para os vencedores entre os homens e as mulheres.

O Projeto de Lei de Número 1416, que exige que as competições realizadas com recursos públicos federais tenham premiações iguais para atletas homens e mulheres, havendo assim isonomia entre os gêneros. O PL foi proposto pelo deputado Pedro Lucas Fernandes (PTB-MA), será analisado pelo Comissão de Esportes da Câmara dos Deputados e, em seguida, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

O relatório do Projeto feito pela petista foi aprovado por unanimidade e recebeu elogios de diversos deputados da Casa. Em meio aos debates de igualdade de gênero, combate ao machismo e igualdade de oportunidades para homens e mulheres no mercado de trabalho, a isonomia de salários é um importante avanço no combate a esse crônico problema na sociedade brasileira. 

Um dos exemplos citados no relatório é a diferença salarial entre homens e mulheres atletas de futebol. Em 2014, a seleção masculina campeã da Copa do Mundo recebeu da FIFA cerca de US$ 34 milhões. Em 2011, o Japão, vencedor da Copa do Mundo Feminina, recebeu da mesma FIFA apenas US$ 1 milhão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.