PELO FIM DO PRECONCEITO - Transexual casou-se oficialmente em Garanhuns

PELO FIM DO PRECONCEITO - Transexual casou-se oficialmente em Garanhuns



Em maio de 2018, ela já tinha conquistado o direito de alterar seu nome e o sexo presentes em seus registros de identidade e demais documentos civis, se tornando a primeira transexual de Garanhuns a ganhar esse direito.

Pouco mais de um ano depois, Renata Síndica, continua derrubando paradigmas e quebrando tabus. Ela foi uma das 38 noivas que contraíram matrimônio em um belo casamento comunitário ocorrido em Garanhuns na última sexta-feira, 16 de agosto.

Vivendo com o noivo Victor há 25 anos, Renata deu um chega pra lá no preconceito e realizou um sonho de oficializar sua união perante à Justiça e a sociedade.

Nascida, Renato Alexsandro Gonçalves de Souza, a síndica do Manoel Camelo, que desde criança sempre se identificou mais com a imagem feminina, principal característica dos transexuais, que nascem mulher, mas se veem presas em um corpo masculino, ou vice-versa.

A história de Renata serve de inspiração para outros transexuais. Ela, que já tinha duas datas de aniversário, a de nascimento e a do dia que conseguiu mudar sua documentação, agora tem mais um dia para lembrar e comemorar. A do seu casamento após 25 anos de união. Com informações e texto do portal V&C Garanhuns.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.